sábado, 9 de abril de 2011

Fascinação

Título: Fascinação - os perigos da mediunidade desorientada

Autores: Luis Marcio Arnaut; Espírito V (espírito)

Editora: Mythos Books

Categoria: romance

Edição: 2010

Proposta:
A história tem como personagem principal um médium chamado José. Enganado pela vaidade, ele acredita que suas pinturas mediúnicas são de autoria de espíritos que foram grandes mestres das artes no passado. No entanto, são obsessores que lhe impõem um complicado processo de fascinação. No papel de socorristas, Vinícius e Olavo se desdobram em ações para suportar José e os demais espíritos envolvidos nesta trama, trazendo-nos bons ensinamentos sobre as consequências da mediunidade mal conduzida.

Formato:
O livro tem formato padrão, é composto de 206 páginas e dividido em 34 capítulos. É possível concluir a leitura em aproximadamente quatro horas. Ao final, há uma indicação de estudos complementares aos leitores, sendo que a maioria das sugestões fazem parte de O Livro dos Médiuns de Allan Kardec.

Linguagem:
Em geral, as palavras e as expressões utilizadas na obra são simples, de modo que a leitura fica facilitada. Nota-se que, em alguns trechos, os autores tentam utilizar uma linguagem mais enfeitada, atitude que se nota com certa frequência nos romances espíritas. Mas, de forma geral, trata-se de uma obra popular, com boa fluidez de leitura e clareza nas mensagens.

Avaliação:
Segundo Allan Kardec, "a fascinação é uma ilusão produzida pela ação direta do espírito sobre o pensamento do médium e que paralisa seu julgamento com respeito às comunicações. O médium fascinado não crê ser enganado".

O romance gira em torno da história de José, um médium de psicopictografia (pintura mediúnica) fascinado por espíritos obsessores que se fazem passar por mestres das artes. Contudo, José não está abandonado a sua própria sorte. Através de um pedido feito por seus pais, que habitam colônias elevadas, os espíritos socorristas de Vinícius e seu pai Olavo passam a auxiliá-lo.

Alguns poderão achar que o livro começa meio morno, estilo "água com açúcar". No entanto, vencidos os capítulos introdutórios, a história ganha corpo e atinge seu melhor momento justamente no final, com um desfecho surpreendente.

Um dos conceitos mais interessantes mencionados no livro é o de planos de contingência na programação reencarnatória. É como se a a vida do encarnado tivesse um roteiro principal e outros que são possíveis adaptações deste principal. As alternativas podem ser utilizadas em caso de necessidade, sem que o encarnado nem mesmo perceba, sob supervisão dos espíritos que são responsáveis por lhe guiar.

Por exemplo, José tinha como roteiro principal o desenvolvimento de suas pinturas mediúnicas. Porém, ao não conseguir lidar de forma adequada com o orgulho e a vaidade, foi acionado seu plano secundário, através do qual conheceu Eulália, com quem teve filhos e deveria constituir família.

Acontece que José falha também em seu plano secundário. Ele sonhava em ser importante, ajudar grandes grupos de pessoas, não apenas uma única família. Assim, Eulália é abandonada grávida e decide voltar para sua cidade natal no interior, onde tem seus filhos. Ela é acolhida por antigos colegas de mocidade, torna-se trabalhadora de um centro espírita e dedica-se a criar suas crianças.

Como consequência, José entra em etapas ainda mais amargas de seu programa reencarnatório. Além da fascinação, passa a sofrer também com a obsessão sexual. Afundando-se em seus problemas, ele sofre grave acidente, torna-se cadeirante e tem sua mediunidade temporariamente adormecida. Sentindo-se sem saídas, ele inicia a prática, mesmo que compulsória, de valores elevados de humildade e paciência.

Na parte final do livro, as vidas de José, Eulália e seus filhos voltam a se cruzar. É neste momento que o destino faz valer as conexões entre os planos reencarnatórios dos personagens  e o desfecho, conforme já mencionado, é surpreendente. Vale a pena a leitura.

Discussão:
Abaixo algumas passagens interessantes:

Página 83 do capítulo 14:
O que não sabia José é que sua vida havia entrado no segundo plano de sua programação reencarnatória. Sua vida de sacerdócio na mediunidade não era mais prioridade, pois provara que não conseguiria manter-se firme e humilde até o fim de sua vida no vaso terrestre. Era necessário, portanto, cultivar sentimentos mais nobres da relação a dois, para que pudesse resgatar seus compromissos do passado. Um outro plano no seu contexto reencarnatório é repleto de provas mais duras, sem exceção. Isto porque José se mostrou mais complacente consigo mesmo do que com outros, mais preguiçoso, mais revoltado, mas, em seu íntimo, cultivava a vontade de repor seus débitos do pretérito.
Página 91 do capítulo 15:
Durante a viagem de volta ao interior do Brasil, aproximamos de Eulália dentro do ônibus, durante a movimentada jornada. Olavo tocou em sua testa e a trouxe para junto de si, desligando-a, momentaneamente, do corpo pelo sono reparador. Era um convite a uma prece.
Explicou Olavo à sua tutelada:
- Este é um momento de luz que está se abrindo. Tudo no planeta está a seu favor, não sofra. Esqueça a dor que poderá passar um dia, a vergonha, o olhar reprovador ou as agruras de mãe solteira... Tem que esquecer...
Página 147 do capítulo 24:
Equilibrado, poderemos, então, encaminhar José novamente para o trabalho mediúnico na seara espírita. Sua mediunidade, no momento, foi praticamente adormecida, embora utilizemos a intuição como mola propulsora de atitudes e pensamentos elevados. O trabalho espírita, mais especificamente com a mediunidade, foi interrompido. Resolvemos pôr em foco sua recuperação consciente da mente e das emoções, do reequilíbrio e da paz. Se conseguirmos que ele volte a orar, seja otimista e reforme-se intimamente com essa mudança física, já nos sentiríamos felizes.
Página 203 da Indicação aos Leitores:
"O meio mais poderoso de combater os maus espíritos é o de aproximar-se o mais possível dos bons" - trecho do item 254 de O Livro dos Médiuns, de Allan Kardec.

62 comentários:

  1. Oi, Adriano!

    Estas contigências ou variações devem ser muito mais comuns do que pensamos. O número de alternativas na vida de uma pessoa é alto e cresce com o decorrer dos anos.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Luis Marcio Arnaut11 de abril de 2011 09:24

    Ola Adriano
    Encontrei seu blog por acaso e fiquei surpreso pelo carinho que tratou nossa publicação. AGradeço esse trabalho gratificante que faz em fazer análise do livro espírita. Um belo trabalho, meu amigo.
    Já estou divulgando essa pagina do blog nos meus trabalhos.
    grande abraço e que Deus continue abençoando suas inteções e esforços
    Luis Marcio Arnaut
    me procure no facebook

    ResponderExcluir
  3. @Vital,
    Sim você tem razão. E muitas destas possíveis alternativas, ao menos as mais importantes, já devem estar mapeadas no plano reencarnatório, ou seja, não são improvisadas durante o período encarnado.

    @Luis Marcio Arnaut,
    Muito obrigado pelo seu comentário. Confesso que, quando iniciei a leitura do livro, imaginei que fosse apenas mais um romance espírita como outros tantos. Contudo, a obra realmente ganha corpo com o desenrolar da história e termina de forma a gerar muitas reflexões. Eu me surpreendi de forma bastante positiva. Parabéns a você e ao Espírito V pelo trabalho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha feito sentido para vc Adriano.
      Valeu!

      Excluir
  4. O autor encarnado deste livro, nosso querido amigo, Luis Marcio Arnaut, estará autografando o mesmo, no dia 18 de Junho próximo, na Livraria Aliança, na Rua Ganebra, 122 Bela Vista.

    ResponderExcluir
  5. Boa noite.
    Este livro parece ser bem interessante.
    Sem dúvida cumprir tudo aquilo que planejamos no plano espiritual não é tarefa fácil para ninguém, não é raro os casos em que além de não se resgatar dividas ainda se acumulam novos débitos.
    Também tenho um blog, visitem e se gostarem por favor sigam.
    http://1apoesiaprevalece.blogspot.com/
    Abraços

    ResponderExcluir
  6. Oi William, obrigado pelo comentário. Visitei o seu blog e gostei, parabéns! Sobre o Fascinação, a abordagem sobre os planos reencarnatórios dos personagens e suas derivações é realmente muito interessante, considero o ponto forte do livro.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  7. Oi Luiz, tudo bem?
    Comprei o Livro Fascinação no Chico Xavier.
    Demorei para iniciar a leitura.
    Fiquei com um pouco de receio, porque me envolvo muito com os personagens, e ainda faço muita confusão entre fascinação e subjugação.
    Quando comecei a ler, sentia um sono profundo que me conduzia ao local de cada cena.
    Então fazia uma paradinha, uma prece e voltava a ler.
    No final de cada capitulo, fui fazendo minhas reflexões e melhorando.
    Percebo a cada leitura, que conseguimos alterar algumas passagens no nosso destino, mas, que nosso perfil original reencarnatório, está muito bem traçado por nossas escolhas.
    Adorei o Livro, a trama é totalmente coerente e entrelaçada pelas escolhas feitas por José.
    E a leitura é muito clara, muito transparente.
    Confesso que estou me vigiando melhor.
    Parabéns, muito sucesso, bjuss
    Val Oliveira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha feito sentido para você Val, obrigado pelo incentivo e pelo prestígio.

      Excluir
  8. Li "Fascinação" em dois dias, comecei e tive que ir até o fim. Gostei muitíssimo da história, da narrativa. Mas, principalmente, do conteúdo riquíssimo para a reflexão dos médius. Principalmente a forma como demonstra que o médium mistificado não é uma vítima ingênua e inocente, mas alguém que, por seus próprios traços de personalidade (vaidoso, orgulhoso e interesseiro) atrai e aceita a fascinação. Parabéns ao médium e ao autor espiritual.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu pelo incentivo, Alberto!
      Vejo que fez sentido para vc e isso é motivo de muita alegria para mim.

      Excluir
  9. Esse livro mostra de maneira sutil,ainda que realista das complexas tramas da subjugação espiritual.Como ela atua e como deixamos que ela atue em nossas vidas, num processo amargo de destruição moral em que é necesário mesmo muito amor para comprender a malha em que ela tece e nos envolve. Não é só uma história...pode ser a historia da sua vida, da minha vida....é ler e se identificar ou identificar bem proximo alguém que já caiu nessa rede. Mais do isso,"Fascinação" aponta as saídas para o entendimento e a redenção.Envolvente!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo incentivo e pelas observações.

      Excluir
  10. Li Fascinação em pouquíssimo tempo. Encontrei neste livro muitas explicações para muitos assuntos que em nenhum outro livro trata. Acredito que a auto-obsessão sofrida pelo protagonista nos diga muito, pois muitas vezes nós tendemos ao vitimismo quando nos sentimos injustiçados por alguma reação do mundo à nós, e atraímos essas energias negativas que também nos atrapalham. Li este livro em um momento que precisava da mensagem sobre o orgulho. Para mim, a leitura foi significativa e bastante inspiradora. Parabéns ao Luis e a V. pelo excelente trabalho ao trazer mais esta obra incrível à vida encarnada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vi que vc encontrou muito do que buscava. É motivo de alegria para mim perceber que fez sentido para vc.

      Excluir
  11. ótimo livro. Li em pouquissimo tempo, (reveion de 2010).

    A obra nos faz refletir sobre o tema fascinação, que no mesmo é enfatizado pela psicopictorafia. Porém em suma, ao fazer uma análise mais profunda, podemos refletir e observar em quais outros aspectos da nossa vida nos tornamos fascinados por algo ou alguém.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vi que lhe ajudou bastante a refletir, fico feliz que lhe trouxe algum sentido.
      valeu

      Excluir
  12. A história nos envolve de uma forma inexplicável... Em vários momentos nos sentimos presentes na narrativa!
    Em particular, destaco o ensinamento de que nunca estamos sozinhos, sempre há alguém a velar por nós, confirmando a mensangem do Cristo da existência de um Deus de Amor, que deseja a nossa felicidade independente do caminho que escolhemos.
    O livro proporciona importante reflexão sobre nossa vivencia dentro dos Centros Espíritas, considerando a igualdade entre os trabalhadores e o cuidado com as nossas palavras (elogias e críticas). O coração deve estar em paz para que as palavras sejam verdadeiras.
    Parabéns pela iniciativa ao publicar um livro específico ao tema Espiritismo, Mediunidade e Arte.

    Abraços aos amigos.

    Augusto César
    Instituto Arte e Vida
    Franca/SP

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo prestígio que este Instituto nos traz e o incentivo. valeu

      Excluir
  13. Este livro é realmente fantástico e trás importantes reflexões para nós que desejamos nos envolver na divulgação da Doutrina através de meios que nos dão "notoriedade".
    Jamais poderemos esquecer que a obra não é nossa, somos apenas peças de um intricado quebra-cabeças e devemos nos esforçar para fazermos o melhor possível, pensando menos em nós (orgulho e vaidade) e mais em nossos semelhantes (amor e caridade).
    Muito bom, Luis Márcio. Parabéns Espírito V. Obrigado, Adriano.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha feito sentido para vc Liralcio.
      Abraços

      Excluir
  14. Agradecemos a todos pelos diversos comentários feitos na postagem sobre o livro Fascinação. É com muita satisfação que vemos vocês participando do blog, enriquecendo as análises com suas próprias opiniões e pontos de vista.

    Voltem sempre!

    ResponderExcluir
  15. Li o livro há algum tempo e realmente fiquei muito satisfeito com a leitura. Um livro de fácil entendimento, com apresentações de fatos que ocorrem caso a mediunidade não seja bem utilizada. Muitos jovens, assim como eu, com certeza irá pensar "este livro foi escrito para mim!".
    Uma literatura que veio para complementar, em muito, os nossos estudos pois através de um "romance" traz muitas informações de interesse geral dos espíritas e até mesmo de não espíritas.
    Parabéns ao autor e ao mentor dele pela qualidade desta obra!

    Abraços a todos

    Érick Tierling Silva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha feito sentido para vc e que vc tenha feito as conexões com seu trabalho com os jovens espíritas.
      Abraços

      Excluir
  16. Oi Luiz e ai blz....
    Esta é uma das mais interessantes indicações de livros referentes a temática relacionamento médium-espírito, tal como os resgates dos compromissos de vidas passadas. O autor descreve também as dúvidas envolvidas no processo individual de comunicação mediúnica e a fascinação causada pela vaidade e o orgulho.

    Vale a pena conferir.


    Abração

    Reinaldo Rosa
    SP/ Capital

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo incentivo e pelo prestígio

      Excluir
  17. Realmente um livro muito bom na instrução de um médium, no exercício de se policiar na vaidade e no orgulho. Parabéns ao autor que pode exemplificar fatos importantes na vida dos médiuns.

    Abraços

    Felipe Naghirniac

    ResponderExcluir
  18. Caros amigos

    Fico feliz em saber que o livro Fascinação está tocando os corações e as mentes de tantas pessoas, de lugares e idades diversificadas. É uma grande alegria compartilhar essa pequena mensagem com todos vocês. Obrigado mesmo, de coração!!!

    ResponderExcluir
  19. Livro muito bem escrito com uma trama que nós faz reavaliar o nossso papel como medium, ler este livro foi de um grande aprendizado, a mensagem que ficou foi que a se a nossa intenção é para bem sempre seremos amparados pelos nossos amigos espirituais. Muito obrigada !

    ANA MARIA

    ResponderExcluir
  20. Acho que o ponto mais marcante desse livro é o seu protagonista bastante humano, falível, que faz com que nos identifiquemos com ele. E, do mesmo modo, é muito bom ver que este personagem nunca fica desamparado, o que nos faz lembrar que também nós podemos ter a certeza de que a espiritualidade nos guia nas trilhas do progresso.

    Espero que essa dupla, Luís e V, nos brindem com trabalhos ainda melhores no futuro!

    ResponderExcluir
  21. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  22. O livro aborda e chama muito a atenção a responsabilidade que é a mediunidade e a atenção e cuidado que todo médium deve ter com a 'fascinação' (orgulho e vaidade) que a mediunidade pode despertar no mesmo. Leitura indispensável aos que estudam e trabalham a mediunidade. Parabéns ao autor e aos irmãos de luz que o inspiraram nessa grande lição!

    ResponderExcluir
  23. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  24. A vaidade é algo inerente ao ser humano que vive em um mundo onde a "aparência" ou o "parecer ser" são coisas que nos garante status, reconhecimento social e abrem muitas portas. A competição, a comparação, o querer ser melhor.... são coisas de seres competitivos que querem sempre conquistar, possuir....
    O excesso de tudo isso sempre gera o descontrole psicológico e emocional na tentativa de manter este ciclo vicioso de bem-estar egocêntrico.
    Cito o livro "Fascinação" como uma forma de refletir sobre todos estes conceitos e outros.
    Parabéns ao Luis Márcio e ao Espírito V.

    ResponderExcluir
  25. Este livro é uma ótima ferramenta para adquirir mais conhecimento sobre a mediunidade e o que ela reflete na nossa vida caso seja utilizada de forma irracional.
    Admiro o trabalho efetuado pelos autores, Luis Márcio e V. e recomendo a leitura para qualquer pessoa.
    Agradeço a oportunidade deste conhecimento e agradeço também ao Luis Márcio que está nos compartilhando suas experiências como forma de ensinamentos e exemplo de trabalhador de BEM!

    Edner Filho

    ResponderExcluir
  26. gostaria que alguem me ajudasse a descobrir o titulo de um livro que li,mais nao lembro...é a historia de uma mulher que é mantida presa pelo seu proprio marido em seu quarto,e que ele coloca umas 'minhocas"para suga-la tdas a as noites,mais é com a ajuda de uma criada que se esconde dentro de um bau,tds os dias para alimenta-la e matar sua sede,e depois ajuda-la a fugir....bom é so o que eu lembro da historia...pois estava numa fila de supermercado e vi este livro e comecei a ler enquanto nao chegava minha vez na fila...desde de ja se alguem souber ficarei agradecida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também, não conheço este livro, se tiver alguma dica de editora ou autor, podemos até pesquisar.

      Excluir
  27. Olá, Raquel!

    Infelizmente não sei a qual livro você se refere. Talvez você goste dos livros da Vera Lúcia Marinzeck. Por exemplo, tem o 'A Casa do Bosque' (http://analisando-livro-espirita.blogspot.com/2011/07/casa-do-bosque.html).

    Abraço!

    ResponderExcluir
  28. Vital Cruvinel,gostaria de indicar-lhe duas obras da Mythos Recomeço- As bênçãos no processo de Adoção e A vida além da Vida..- Autor Roberto Cerqueira Dauto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela indicação!

      Ainda não conheço o autor. Assim que surgir a oportunidade eu dou uma olhada nestas obras.

      Abraço!

      Excluir
  29. Recomendo a leitura do livro (FASCINAÇÃO). Para mim, ele trouxe a mensagem de que é necessário e imprescindivel o autoconhecimento, podendo desta forma tentar me proteger de mim mesmo.
    Muitas vezes, é muito bom viver uma vida de sonhos e fantasias, vida esta que não é nossa. Mas devemos nos atentar aos compromissos e deveres que anteriormente foram por nós assumidos e que todos esses sonhos e fantasias nos afatam das nossas obrigações.

    ResponderExcluir
  30. Gostei muito do blog, nos dá bastante detalhes sobre a obra nos motivando à leitura.
    Livro bem interessante sr. LM!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Amigo, valeu pela participação!

      Excluir
  31. Esta obra me trouxe a recordações de vida minha. Num passado não longe, pude ter percepções que nunca antes tivera, aptidões que nunca ouvera descuberto em mim. Elas se manisfestavam de forma fébril, contumaz, voraz.Tudo passou e ficou o aprendizado, o "amigo" que me estendeu a mão na hora do ocaso. Ficou Luis, é a espiritualidade amiga a nos intuir!

    Rodrigo Ferreira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Rodrigão, vi que vc mergulhou mesmo na história do nosso amigo José!

      Excluir
  32. Oi bom dia.

    Sou de Colombia, olhano o blog gostei muito, nos dá detalhes sobre a obra e nos faze o convite pra à leitura.

    Felicidade minha amigo Luis.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um abraço a todos do SIDEK da Colômbia. Feliz pelo livro ter chegado aí com vocês! Desejo muitos encontros com Cristo e luz para todos. ABraços fraternos.

      Excluir
  33. Amigo, indico, do mesmo autor o livro HERDEIROS, uma coletânea de histórias de famosos, atores, cantores, músicas e pessoas que encontraram na fama a porta das ilusões.

    O livro é excelente!


    João Márcio
    Autor do livro Espelhos da Vida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela indicação e incentivo, meu amigo!
      para conhecer melhor a obra Herdeiros visitem:
      www.edconhecimento.com.br/herdeiros/

      Excluir
  34. Sobre o livro FASCINAÇÃO posso dizer que foi f=de grande valia pra mim.

    Estou muito grato pelas reflexões e alertas apresentados em tono da história.

    Me ajudou e tem me ajudado muito em alguns pontos pessoais que me esforço pra vencer.
    Leitura envolvente e final incrível.
    Parabéns ao autor e ao espírito que trouxe essas grandes lições!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Thiago, pelo incentivo e pela participação
      fico feliz que o livro lhe trouxe boas reflexões
      abraços fraternos

      Excluir
  35. Sobre o livro FASCINAÇÃO posso dizer que foi de grande valia pra mim.

    Estou muito grato pelas reflexões e alertas apresentados em torno da história.

    Me ajudou e tem me ajudado muito em alguns pontos pessoais que me esforço pra vencer.
    Leitura envolvente e final incrível.
    Parabéns ao autor e ao espírito que trouxe essas grandes lições!

    ResponderExcluir
  36. O nome do Livro calha realmente com o conteúdo que consegue deixar o leitor com os olhos "pregados" em sua história, uma reflexão de vida e ajuda positiva, um livro em transmite um lição incrível. Parabéns Luis pela Obra! Sucesso...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo incentivo!
      Feliz por ter ajudado na sua reflexão positiva!

      Excluir
  37. Eu percebi, que durante algum tempo começara a fazer poesias. Logo quando adentrei no novo grupo, de estudantes de uma Faculdade, que irá começar as aulas só em agosto. Comecei a perguntar as meninas quem queria uma poesia. Comecei a "brincar" que lhes fazeria uma poesia intuitiva. O processo de Fascinação, agora compreendo começara. E foi se tornando uma rotina, estas poesias e outras que publicava. Graças a Deus isto começou a me intrigar. Pessoas me falavam que tinha escrito sobre a vida delas, me chamaram até de Génio! E junto a isto tudo, ganhei o livro "Fascinação", do meu amigo Luis Arnaut. Estava quardado na estante, e nunca conseguira o ler. Obrigado Luis, obrigado autor do livro. Hoje refaço meu caminho, orientado pelo livro e por pessoas, amigos em cristo que me são muito gratos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom, amigo, que o livro o ajudou a refletir e encontrar novos caminhos.
      Consciente, você terá mais potencial de sucesso na vida, mais possibilidade de encontrar a fé racional e galgar o caminho do amor e da simplicidade.
      Bju no seu coração, sucesso sempre, poeta

      Excluir
  38. Peguei os três livro como consignação para vender em minha livraria no ano passado e vendi os três para uma pessoa só. Eu li Fascinação e a leitura é agradável, assim como a história contada. Parabéns

    ResponderExcluir
  39. Li o Livro em 2011, foi divulgado numa palestra no Centro Espírita Irmãos da Nova Era em Sto. Amaro, é um livro surpreendente, a história, a didática, Parabéns ao autor e para voce Adriano pelo Blog. Estou residindo em Brasília agora e gostaria de ver este livro por aqui, já procurei mas não achei, gostaria de estar divulgando, colocando para venda nos centros daqui. Agraço. Ass. Sebastião

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela contribuição, Sebastião!
      Grande abraço!

      Excluir